quarta-feira, abril 27

Outros Sentidos


  Outros Sentidos
                                
 Em algum lugar no meu mundo 
é primavera.
Onde eu guardo um olhar
que mora num cheiro
e renasce em um beijo.
Preciso um retoque
do outono.
Em outros sentidos.
Como na minha alma ...
inteiro ou partido,
escrito e não lido.

Autores: Carla Fernanda e Ricardo Steil

Visite aqui Ricardo Steil

Imagem: Blog A Via Láctea

33 comentários:

ONG ALERTA disse...

Onde as flores iráo perfumar, beijo Lisette.

Liberdade. disse...

Olá Carla!
lindo!
que o seu mundo seja sempre,uma eterna
primavera,cheia de flores para enfeitar o seu caminho.
um abração!

Joop Zand disse...

goodmorning Carla

As always ....nice...

Have a nice day.

Kisses, Joop

silvo disse...

Primavera siempre que renace la ilusión, un abrazo

Silviah Carvalho disse...

Um poema sutil como o outono e belo como a primavera.Parabéns.

Leonel disse...

Entre a primavera e o outono existe um verão!
É onde você está agora!
Aproveite!
Abraços!

Ricardo Steil disse...

Você tem o dom
De transformar
Meus rabiscos
Em magia

Felipe Paulo disse...

Lindo Carla,
você é excelente
nos versos,perfeito.
Adorei.
Bjs,abençoado seja seu
dia e o de sua casa!

Everson Russo disse...

Que seja sempre intensa,,,colorida e plena essa primvera interior...grande beijo de bom dia pra ti querida..

Ricardo Steil disse...

Nossa, depois deste elogio vou começar a achar que sei escrever bem. Eu que agradeço.

✿ chica disse...

Maravilhoso dueto.Perfeito!Essa mistura de estações abrilhanta a vida...beijos,chica

Simone Martins2 disse...

Bom dia, que lindo ler o poema deles aqui...bjin

Carla Fernanda disse...

Deles quem Simone?? O poema é meu e do Ricardo Steil querida! :)

Tunin disse...

Poesia tão linda como a florida primavera! Abração, Carla!

Mafia Sonora disse...

Lindo poema, é como sempre dizem tudo se renova na primavera.

Guará Matos disse...

Tome uma taça de vinho.... E venha.

Bjs.

RELTIH disse...

MUY DELICADO SU TRABAJO.
UN ABRAZO

Cadinho RoCo disse...

Entre estação e outra eis que passamos pelo verão inverno a aquecer e esfriar nosso viver.
Lá no blog que assino, fotos dos Painéis Cadinho RoCo, óleo sobre tela, em oferta imperdível.
Cadinho RoCo

Antony Sampayo disse...

"En algún lugar de mi mundo
es primavera."
Todo está como lo queramos ver, amiga, tienes toda la razón.

Besos.

reptilio disse...

Ola! Carla buen dia! guapa!

XD

Amapola disse...

Boa tarde, querida amiga Carla.

É bom, um pouco de cada coisa.

Um grande abraço.
Felicidades!

don vito andolina disse...

Hola, bello,profundo blog, íntimas entradas,si te gusta la palabra infinita, la poesía,te invito al mio,será un placer,es,
http://ligerodeequipaje1875.blogspot.com/
gracias, buen día, besos de agua...

A.S. disse...

É Primavera... mas ainda se sentem caricias de Outono sobre o veio das águas!


Beijo!
AL

Fred disse...

Hoje estou inverno. Hehehehe! Maravilha, guria! Bjz!

Aleatoriamente disse...

Carla linda poetisa, amei!
Esse poema é SOL.

Beijinho.
Fernanda

AFRICA EM POESIA disse...

Amiga Carla

POEMA lindo.

AMEI.
um beijo

| A.Luiz.D | disse...

Que marca ein..
Não vou me esquecer do que
li aqui hoje..

perfeito e registrado

Mauro S disse...

Oi Carla, sempre belo os teus textos, versos, poesias.

Realmente, foi um passeio daqueles, cliquei 413 vezes, não deu mais porque o cartão de memória não deixou, mas pretendo visitar outros lugares, adorei o passeio, uma mudança de ares com uma turma legal, sempre faz bem, para os olhos, para o corpo, e por estar diante da natureza, respirar fundo, viver.
Beijos, Mauro

Anita "Menina Flor" disse...

Um poema muito bonito, Carla querida, parabéns a você e ao seu amigo. Beijos.

Flor de Lótus disse...

Em algum lugar aqui dentro também há de ser primavera, flores lindas e perfumadas prontas para desabrochar.Lindos versos!
Beijosss

Rosemildo Sales Furtado disse...

Outono e Primavera, ambos com letra maiuscula, pois podem ser substantivos proprios. Ate que podem formar um belo par. Afinal, sao duas belas estaçoes, restando saber o quem e quem na historia.

Beijos,

Furtado.

Montserrat Llagostera Vilaró disse...

Oh Carla Fernada, moito bello Poema Primaveral.

Um beijo, Montserrat

Angela Fonseca disse...

Poucas palavras, muitos sentidos. Poesia é assim. Felizes os poetas, que possuem esse dom de transformar palavras em sentimentos partilháveis. Beijinhos, Angela
http://noticiasdacozinha.blogspot.com