sábado, abril 16

Eu Sou


Eu sou

Sou o que me vê quando me olhas,
antes de pensares no que viu.
Sou as palavras que te escrevo,
antes de ser a voz que te fala.
Sou o muito que sinto
no pouco que vivo.
Sou muito mais consciência
que esquemas, conceitos e teorias.
Sou a que ama a mais,
por isso, te amo demais!
Sou mesmo em essência,
o que deixo no seu coração:
 metade amante da arte,
e noutra,
lembrança que parte.

(Carla Fernanda)

Imagem: O Teu Beijo (by - Painandpleasure)

43 comentários:

Felipe Paulo disse...

Boa noite Carla,
lindos versos,tão sensível
e intenso.Você é uma linda
poeta.Parabéns!
Bjs,tenha uma abençoada noite!

Gladys disse...

Un hermoso poema amiga Carla, profundo sentir.
Besos que estes muy bien, feliz fin de semana.

Jasanf disse...

Adorei seus versos e forma que o eu-lírico transporta sua poeticidade. Parabéns!

Poeta del Cielo disse...

Sentimento a flor da pele.. suas letras sao puro sentimento Carla... obrigado por compartilhar letras tao belas... parabens

saludos
otimo fim de semana
abracos

RELTIH disse...

BELLA POESÍA. UN GUSTO LEERLA.
BESOS

Machado de Carlos disse...

Quando me olhas, fico pensando nas palavras que tu viste. Escrevo-te frases que falam. Sinto tua voz em tudo o que escrevo. Fujo das teorias e me perco no mundo da arte.

Abraços!...

Montserrat Llagostera Vilaró disse...

Buenoas dias Carla Fernanda:

En España, son las 7,30 h.

Es una bellísima poesía la astro rey.

Beijos, Montserrat

silvo disse...

Eres la belleza de tu poema, precioso, besos!

Machado de Carlos disse...

Bom dia Carla!

Sua página também é emocionante! Viajo em cada verso e imagem postada.
Realmente para o amor não existe medida, principalmente quando ambos chegam aos céus em cada momento preciso.
Obrigado pelo seu carinhoso comentário!

Beijos!...

Sandro Ataliba disse...

Lindo texto, Carla.
Bem legal a definição que faz de si mesma, e como a faz.

Simone Martins2 disse...

Bom dia Carla, tambem sou o que sou e se quiseres gostar de mim, teras que me aceitar assim, nunca irei mudar o meu jeito so para agradar a alguem...Concordo com sua poesia e muito linda e de fato, maestria...bjin

Simone Martins2 disse...

Ah, tah...hoje acordei com alma de criança e como tal, nao li o que escrevi, desculpe, quando falo: se quiseres gostar de mim..."me refiro aos meus amigos e nao a ti...desculpe minha falha...bjin e fique com DEUS!

Carla Fernanda disse...

Como também tenho alma de criança, entendi Simone querida. Vamos brincar? kkkkkkkkkkk

Long Haired Lady disse...

eu sou feita de conceitos e teorias, de sonhos, de pé no chão, de muito coração, ou seja, sou contradicão!

Majoli disse...

Oi querida, muito bom te ler.
De "Eu sou", grifo essa parte que diz muito de meus sentimentos:
"Sou a que ama a mais,
por isso, te amo demais!"

Tão real, tão profundo...lindo.

Beijos de um delicioso sábado.

Arnoldo Pimentel disse...

Somos o que sentimos e o que acreditamos. Lindo poema, como sempre bastante profundo e inspirado.Beijos

Vivian disse...

Bom dia,Carla!!

Linda poesia!! Transformar os sentimentos em palavras,em versos...inspirador...
Beijos pra ti!
Bom final de semana!

C@urosa disse...

Olá minha cara Carla Fernanda, o ser feliz, é o que se lê em seu belo poema, parabéns, paz e harmonia e mais inspiração em sua vida.

forte abraço

C@urosa

Tunin disse...

O teu escrever encerra sentimentos o que faz de ti uma excelente poeta. Abração.

Wanderley Elian Lima disse...

Olá Carla
Adorei o poema. Deixa nas entrelinhas muito de você, e de sua sensibilidade.
Bom fim de semana
Bjux

Por que você faz poema? disse...

Gosto de versos que começam com "sou"...

Elisabete Lira disse...

Seu blog é muito interessante...
Estou te seguindo.... Tenha um Lindo Dia!
Siga meus Blogs: http://cartasdeumcoracao.blogspot.com/
E
http://deusemminhaalma.blogspot.com/

Vozes de Minha Alma disse...

Olá Evanir.
Quero deixar como apreço a ti, este singelo verso.

Almas excelsas e soberanas
Angélicas, doces, contemplativas
Em belezas sublimes e ufanas
Tornam as flores singelas e lindas.

Um abraço, beijos.

Everson Russo disse...

Eu sou o que exatamente eu sinto,,,um grande beijo de bom sabado pra ti querida.

Vozes de Minha Alma disse...

Oi Carla, desculpe!!!
Enviei algumas mensagens com este verso para meus queridos amigos e esqueci de alterar o destinatário.
Quero deixar como apreço a ti, estes versos.

Na doçura angélica do teu olhar
De teu coração de amor tão lindo
De teu amor singelo a proclamar
E com poemas recônditos surgindo

Nas belezas celestiais e da ternura
Do sentimento imaculado infindo
Teu amor é o amor que transfigura
De teu tenro coração se abrindo

Carla Fernanda disse...

Com essa doçura angelical eu desculpo claro.
Lindo por demais!
Obrigada!

Vinicius.C disse...

Boa tarde carlinha!!

Esta cada vez mais gostoso ler vc!!

Um beijo enorme que vc tenha um ótimo fds!

Te espero no Alma.

Vinicius.

Pena disse...

Estimada e Valiosa Amiga:
"...Sou as palavras que te escrevo,
antes de ser a voz que te fala.
Sou o muito que sinto
no pouco que vivo.
Sou muito mais consciência
que esquemas, conceitos e teorias.
Sou a que ama a mais,
por isso, te amo demais..."

Um poema do seu sentir delicioso e terno.
Fascina.
Parabéns por este poema de amor divinal e perfeito, tal e qual a minha linda amiga.
Adorei.
Abraço amigo de parabéns.
Com respeito e constante admiração e encanto pelo que concebe de pureza e beleza imensas.

pena

Jão disse...

LIndo poema, cativante.

Continue assim essência!


Beijos!

Leonel disse...

Carla, você sabe "dizer bonito" as coisas!
Não sou crítico de poesia, mas o que você escreve é tudo bem colocado e elegante!
Abraços!

Carla Fernanda disse...

:) Leonel, boa noite!
Poesia é beleza, é sonoro, é inspiração, é emoção, é gentileza, delicadeza, é sonho ....e por aí vai. Ainda bem que gosta amigo!
Obrigada amigo!

Nilson Barcelli disse...

Carla, gostei muito do teu poema. A lucidez da tua poesia é um encanto para os sentidos dos que te lêm...
Parabéns pelo teu talento.
Beijos.

Guará Matos disse...

Sou aquele que lhe ler e se embala em regozijo.

Bjs.

Dil Santos disse...

Oi Carla, tudo bem?
Menina, lindo teus versos, rs.
Retribuindo a sua visita cordial, espero mais suas por lá, rs.
Um bjo

Anita "Menina Flor" disse...

Quem somos na verdade? Nem sempre o que queremos ser. Senti muita profundidade no seus versos, bravo. Bjs.

Xipan Zéca disse...

Tudu mundo é coisa munita.... rsss

EU SÔ... a mosca que pousou na sua sopa!
Sô não... Eu só sou o Macaco que por ser teu fã vem te afagar... rsss

Beijos
Tatto

Carla Fernanda disse...

Cê é coisa linda macaco danado!
Beijos!!

Eduardo Medeiros disse...

olá carla, tudo bem?

adorável seu jeito de fazer poemas!!

um abraço e bom final de semana para todos aí.

Monja de Clausura Orden de Predicadores disse...

Querida Carla , son unos versos muy hermosos, «Soy la que más ama» hermoso sentimiento
Le dejo mi ternura
Sor.Cecilia

Rosemildo Sales Furtado disse...

Oi Carla! Belo poema! Muito profundo e autenticidade acima de tudo.

Beijos e ótimo domingo pra ti.

Furtado.

FRANCISCO PINZÓN BEDOYA disse...

Hermoso

luz efemera disse...

Muito complexo dizermos aquilo que somos...e o que não somos.

Abraço

PauloSilva disse...

Gostei imenso do seu blogue.
Transmite calma e amor :)
Estou seguindo *